• iPhone 6 Cases

  • Best iphone 6 cases

  • sunglasses Cheap

  • Nike Free Run Pas cher

  • ayersmissionviejo.com

  • Cheap Oakleys

  • accugram.us

  • nikefreerun.genoulaz.fr

  • longchampbq.fr

  • sac longchamp pas cher

  • progressprinting.us

  • www.theofleurybook.com

  • Sac Vanessa Bruno pas cher

  • Sac Vanessa Bruno Soldes

  • Cabas Vanessa Bruno Pas cher

  • France Cabas Vanessa Bruno

  • Vanessa Bruno Pas cher

  • Sac Longchamp pas cher

  • Longchamp Pas cher

  • Sac à Main Longchamp pas cher

  • Sac Longchamp Pliage Pas cher

  • Sac Longchamp Pliage Soldes

  • Sac Vanessa Bruno Soldes

  • teachmemusic.fr

  • saclongchamppascher.inseto.fr

  • medstract.com

  • Sac Micheal Kors Pas cher

  • Sac à main MICHAEL KORS

  • Longchamp Sac Soldes

  • Longchamp Pliage Pas cher

  • Sac Longchamp Pas cher

  • Goedkope Moncler Jas

  • Goedkope Moncler Jassen

  • Netherland Moncler Outlet

  • Billiga Canada Goose Parka

  • Canada Goose jackor Sale

  • www.bde-gide.de

  • www.klimacent.de

  • www.nachtflug-life.de

  • www.rothspielscheibe.de

  • www.tesnettsq.de

  • www.technokueche.de

  • www.articlesroltiss.net

  • www.adcamps.net

  • www.barroyal.net

  • www.envisiontelepharmacy.net

  • Logotipo
    Conteúdo Gospel de Qualidade!

    Notícias Gospel – Condenada à morte, cristã sudanesa dá à luz na prisão


     Powered by Max Banner Ads 

    Notícias Gospel - Condenada à morte, cristã sudanesa dá à luz na prisãoO bebê nasceu na cadeia, uma vez que o pedido para realizar o parto em um hospital não foi autorizado

    A sudanesa Meriam Ibrahim, de 27 anos, que está presa desde o início deste ano e condenada à morte por ter deixado o islamismo, deu à luz uma menina na última terça-feira (27). O bebê nasceu na cadeia, uma vez que seu pedido para realizar o parto em um hospital não foi autorizado. Meriam se converteu ao cristianismo, religião da mãe, porque aos seis anos de idade, seu pai, muçulmano, desamparou a família.

    Além de ser penalizada com 100 chibatas, por ter se casado com Daniel Wani, um cristão do Sudão do Sul naturalizado americano, o que no país é considerado adultério, Meriam também foi condenada à forca. No entanto, a punição só será executada após a filha recém–nascida completar dois anos.

    O marido da sudanesa recorreu da decisão e disse que teme pela vida da esposa. Porém, o porta-voz da promotoria do Sudão declarou que é necessário respeitar o código de leis do islamismo, a “sharia”, o que é uma referência legal no país, e consequentemente cumprir a sentença.

    O caso de Meriam tem causado diversas manifestações de repúdio à decisão do governo Sudão. Nos últimos dias, muitos países fizeram críticas e protestos ao ato, entre eles, os Estados que pediram que o Sudão respeite a liberdade de religião garantida pelas leis internacionais. Várias organizações internacionais de direitos humanos também protestaram contra o tratamento dado a Meriam. A Anistia Internacional declarou que situação da sudanesa é um desrespeito aos direitos humanos.

    No Brasil, personalidades cristas como Ana Paula Valadão, André Valadão e Nívea Soares também entraram na causa a favor da sudanesa. “Além de interceder gostaria de convocar os irmãos a assinar um abaixo-assinado pressionando as autoridades do Sudão para libertar essa mãe”, convocou Ana Paula em sua rede social.

    Acesse o link:  http://e-activist.com/ea-action/action?ea.client.id=88&ea.campaign.id=28539 e assine hoje ainda.

    Fonte: G1

    Cristiane Soares

    Fonte:http://www.lagoinha.com ,mais um Parceiro Eterno Jesus

    Tagged as: , , , , , , , , , , ,

    1 Comment

    Trackbacks

    1. Eterno Jesus » Notícias Gospel – Sudanesa agradece a Deus por escapar de condenação à morte

    Deixe o seu Comentário

    Please note: comment moderation is enabled and may delay your comment. There is no need to resubmit your comment.